terça-feira, 18 de novembro de 2014

Pensamentos e inquietudes

   Olá meus amores.
   Não, não venho postar nada de novo e nem venho falar de algo em específico. Simplesmente vim ao 'meu cantinho' escrever um bocadinho para conseguir de alguma forma arrumar as ideias que me vão na alma e libertar-me de alguma pressão que me exijo a mim mesma - acredito que não será um conteúdo compreensível.
   Há dias em que me apetece fugir um bocadinho e refugiar-me para pensar e colocar as ideias no lugar. Mas não é fácil.
   1º - porque tenho medo de me isolar, porque quando o faço geralmente assumo posições que de algum modo me vão desequilibrar mais tarde. Tenho a tendência para pensar em coisas novas, em desenvolver novos conceitos, mas por vezes não existe funcionalidade ou simplesmente dias depois apercebo-me que alguém já teve a mesma ideia e fico frustrada.
   2º - para me refugiar, desta vez e da forma como me sinto, teria realmente de sair do meu casulo, e entendo como casulo os locais que me são próximos - família, casa, trabalho - teria realmente de ser "a week off". Sair e libertar-me um pouco do que considero 'seguro'. "Fugir" de mim para me encontrar.
   3º  - há uma "força" qualquer que me impede de voar, de dar o salto. Talvez seja receio e insegurança ou então é mesmo estupidez da minha parte. Não sei, mas gostava de entender para saber que direcção tomar!
   Não é fácil decidir!
   Pois, se por um lado me apetece desenvolver o que tenho nesta minha mente idiota - sim, porque tenho muitas ideias!!! - por outro tenho receio de não ter pernas para andar. Deixei a minha vida durante muito tempo em standby. Deixei que de alguma forma as circunstâncias fossem decidindo o amanhã por mim. Agora olho para a frente e não encontro o horizonte!
   É verdade que nunca deixei de lado ou esquecido o que queria (ou quero), mas também não agi mais cedo. E agora, embora queira fazer acontecer, sei que não estou a pensar. Sei que estou a deixar acontecer (mais uma vez). Estou a seguir os passos corretos para dar certo. Mas estou com um medo terrível de que seja tempo e dinheiro investido numa falha. Não sei onde isto me vai levar, se me vai levar a algum lado!
   Pelo menos sei que tenho tempo para ir caminhando e somente por isso é que estou a gatinhar. Mas sinto que posso não estar preparada ou para a longa caminhada ou para correr, porque pode ir acontecendo... Ou acontecer certo.
QUE CONFUSÃO!!!! - pensais vós.
   Agora, peço-vos auxílio e questiono: É normal ter este sentimento de indecisão? De não saber que direcção seguir? Querer ter a vida na mão, mas ter MEDO?
Aarrrrhhhhhh! Decisões difíceis...
 
Sei que não ireis compreender o que (não) disse, mas este será um dos posts que mais diz sobre mim. Que mais "fala" sobre o ver, o olhar e o sentir. Porque embora eu veja o que sou, olho para mim, mas não me alcanço. Por isso, resta-me sentir e apelar ao meu subconsciente que tome decisões. Confuso? Chamo-me Orquídea. 
 
Beijo meus amores e até ao próximo post, que prometo que será menos confuso...

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Boa segunda-feira e início de semana...

   Bom dia meus amores.
   Passei para vos desejar um bom início de semana. Espero que comecem a semana com o pé direito e com muita força para enfrentarem os mais 'cruéis guerreiros' que vos queiram derrotar, vulgo - cansaço, chefes, colegas de trabalho chatos, e todo o tipo de gente que nos incomoda durante a nossa brilhante semana de trabalho ;)
   Uma boa semana para todos vós e que o sorriso e boa disposição se mantenha firme e intacta até sexta à noite - porque depois é dar pulos de alegria!!!!! Pronto já parei com a tentativa de vos passar boa disposição!
    Agora em tom mais sério, uma semana feliz para todos.

   Antes de terminar este post e porque também faz parte de mim agradecer e dar alento quando as situações assim o exigem e às pessoas que o merecem, quero deixar uma mensagem especial para alguém que me acompanha e que me dá força para nunca desistir:

   Minha querida Re, deixo-te um beijo muito grande de força e coragem. Espero que entres nesta nova fase 'com tudo'. És uma lutadora. Faz de cada pedra do caminho e dos obstáculos um degrau que te faça subir cada vez mais alto e que te leve onde sempre deverias ter estado, lá no topo. Confia em ti e nas tuas capacidades. És muito especial, nunca duvides de ti. Re, sempre estive e estarei aqui para ti, para tudo, para quando precisares de rir, chorar e acima de tudo te acompanhar nas tuas conquistas. Tenho orgulho por fazer parte da tua vida. Adoro-te minha linda. 

Meus amores,
Um beijinho e até ao próximo post
Espero por  VOS

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

50 Sombras de Grey

   Chegou.... iupi...
   Pois é, o segundo trailer de '50 sombras de Grey' chegou hoje a Portugal. Se o primeiro já era suficientemente quente, é melhor nem imaginar este! Estou deveras muito curiosa para ver o filme. Pelos trailers parece-me que conseguiram captar a essência do livro, o que me parece ótimo, já que normalmente fico desiludida (por exemplo 'As palavras que nunca te direi' de Nicholas Sparks).
   Deixo o segundo trailer em baixo. E só posso dizer que é HOT... Fevereiro chega rápido! Eh eh eh 

 
   Beijo e até ao próximo post...

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Velocidade furiosa 7

   Iupi! O trailer de Velocidade Furiosa já saiu. Parece que 2015 vai ser um ano repleto de filmes interessantes. Primeiro as '50 sombras de Grey' e agora Velocidade Furiosa. Como é obvio serão dois filmes que pretendo não perder, já que ambos têm muita ação (eh eh eh).
   Fiquei muito feliz ao ver o trailer com o Paul Walker, depois do ocorrido pensei que VF perdesse o interesse e que a diferença no elenco me deixasse desiludida, mas felizmente a produção conseguiu manter cenas inéditas do actor e "mantê-lo vivo". Se forem tão 'doidas' por velocidade e condução como eu é sem dúvida um filme a não perder.
   Segue o trailer para quem gostar da série.
 
 
 
 
 
Um beijo e até ao próximo post
Espero por VOS
 

terça-feira, 4 de novembro de 2014

Amor ou ideia de amor?

   Ontem ao ler 'Até que a morte nos separe' no Cabaré do Goucha - abordagem à violência doméstica - fiquei angustiada e tal como ele questiono o porquê! Questiono, porque não sei o que é viver numa situação em que a agressão é algo presente no dia a dia. Será que numa relação não é visível a atitude do nosso parceiro? Não vemos os sinais que possam levar a tais atos? É arrepiante pensar que há mulheres que vivem assim diariamente. Não é só a agressão física, acredito que a verbal e psicológica fira e crie marcas muito mais profundas que as físicas. Porquê? Quando começa? Quais as razões? O que mais me assusta é saber que há vítimas que julgam que fizeram algo de errado e que os agressores têm razão em castiga-las. É aterrorizante. Será que quando aparece a primeira agressão física e perdoamos estamos a tornar a situação presente? Estamos a deixar que os agressores tenham controlo sobre nós? Por vezes penso o que faria em tal situação e infelizmente não sei a resposta, não sei. Não sei, porque nunca vivi tais atos e não sei, porque acho que não daria azo a tais atos ou penso que não o daria. Não acredito na fraqueza das vítimas, acredito antes que os agressores tomaram as rédeas da vida delas e que é algo tão assustador que é difícil sair das amarras duma (não)relação assim. Acho que muitas vítimas têm medo de perderem alguma da (não)estabilidade que (não)têm porque não sabem o que o futuro lhes reserva. Não sei o que é. Nunca passei por tal. E espero não vivenciar nada do género, porque duma coisa eu sei, num caso desses eu iria 'meter a colher entre o casal', embora soubesse que poderia ter a vítima contra mim, acho que é meu dever enquanto cidadã não deixar estes casos acontecerem.
   Hoje rezo ara que essas mesmas vítimas consigam arranjar coragem e libertarem-se das amarras que as prendem.
 
Um beijo para VOS
 

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Olá meus amores

Quero pedir desculpa por ter estado ausente do blog durante esta semana, mas foi uma correria infernal e somente hoje tive oportunidade de voltar ao meu cantinho. E sinceramente estou cansada! Por isso não prometo fazer atualizações durante o fim-de-semana, mas no inicio da próxima semana com certeza que o farei.
 
Vou aproveitar para fazer um pedido - espero que não levem a mal - gostava de saber quem me segue e como tal peço o vosso feedback. Muito obrigada.
 
Desejo-vos um ótimo fim-de-semana com descanso e muitos mimos.
Um beijo grande e até ao próximo post

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Bom dia meus amores

Booomm diiiiiaaaaaaa...
Não, não enlouqueci. Simplesmente hoje está um bonito dia de sol e com a entrada do horário de inverno, acordei cedo e consegui levantar-me bem disposta e preparada para mais uma semana de trabalho. Desejo-vos uma ótima segunda feira e uma boa semana cheia de sorrisos, boa disposição e tudo de bom.
Um beijo muito grande e espero por VOS